Sexta-feira, 25 de Maio de 2012

O IRÃ tenta mais uma vez desacreditar a fé cristã



Irã diz ter evangelho que prova que Jesus não é Filho de Deus e nunca foi crucificado
O governo do Irã disse hoje que um texto religioso que contém versos atribuídos a Jesus Cristo, prova o Islã como a religião dos justos e levará a queda do cristianismo. O mundo cristão nega a existência de tal evangelho.

O livro considerado por alguns com data do século V ou VI foi confiscado na Turquia em 2000. Ele foi apreendido durante uma operação contra uma quadrilha acusada de contrabando de antiguidades, apontam os relatórios do jornal Daily Mail.
Autoridades turcas acreditam que poderia ser uma versão autêntica do Evangelho de Barnabé discípulo de Jesus, conhecido por suas viagens com o apóstolo Paulo.O Irã tem chamado o texto escrito em pele de animal em letras de ouro como evangélico Barnabé. Teerã insiste que o texto prova que Jesus nunca foi crucificado, não era o Filho de Deus e, de fato previu a vinda do profeta Maomé e a religião do Islã.


De acordo com a Basij Press, o texto ainda prevê a vinda do messias última islâmico - uma passagem que muito inspira os autores do relatório.

"A descoberta do original texto de Barnabé vai revolucionar a religião no mundo", diz o relatório Basij.

Nenhum meio de comunicação publicou os versos. A foto liberada da capa mostra apenas inscrições em aramaico e um desenho de uma cruz.

Turquia planeja colocar o livro em exposição pública, que é susceptível de provocar debate
feroz como muitos cientistas acreditam que o texto é uma farsa.

A Internacional News Agency (AINA), diz a inscrição na fotografia que pode ser facilmente lido por um assírio comum. Os assírios viviam tradicionalmente em todo o que é hoje o Iraque, a nordeste da Síria, noroeste do Irã, e sudeste da Turquia.

A tradução da inscrição inferior, que é o mais visível diz: "Em nome de nosso Senhor, este livro está escrito nas mãos dos monges do mosteiro de alta em Nínive, no ano 1.500 ª do nosso Senhor."

A autenticidade do livro ainda tem que ser provado.Alguns especialistas dizem que o Irã está destacando o livro porque vê o cristianismo como uma ameaça.

Erick Stakelbeck, uma apresentadora de TV e um observador próximo de assuntos iranianos, disse WND.com: "Ao promover o chamado Barnabé Bíblia - o que foi provavelmente escrito por volta do século 16 e não é aceito por qualquer denominação cristã dominante - o regime tenta mais uma vez desacreditar a fé cristã. "No ano passado, as autoridades iranianas confiscaram e queimaram cerca de 6.500 Bíblias por ordem do líder supremo aiatolá Ali Khamenei.

Fonte: Russia Today

Postado por ILLGNER GEOVANNE
FONTE/link: "IAnotícia"
publicado por surfandonoassude às 18:46
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
15
17
20
21
22
23
26
28
29
30
31

.posts recentes

. A MENTIRA do RELATIVISMO

. SALVAÇÃO, de Onde Ela Vem...

. CONTROLE DO CLIMA - GUERR...

. GUERRAS e RUMORES de GUER...

. 75 MIL BRASILEIROS serão ...

. POSSÍVEL GUERRA Sul-ameri...

. ARMAGEDON FINANCEIRO depo...

. "E HAVERÁ SINAIS no SOL e...

. CIDADES "FANTASMAS" també...

. CRISTÃOS são CRUCIFICADOS...

.arquivos

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Fevereiro 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub